Banco de Dados – Conceitos de Modelagem para Iniciantes

Banco de Dados - Conceitos de Modelagem para Iniciantes

Você gostaria de entender o conceito de modelagem de banco de dados? Nesse post você vai saber o que é um banco de dados, como ele é feito e como a sua modelagem é criada. Aproveite.

Tópicos que você vai ver

1. O que é  banco de dados?
2. Diferença entre Dados e Informação
3. Sistema Gerenciador de Banco de Dados
4. Redundância de dados
5. Como funciona um SGBD?
6. Tipos de SGBD
7. Modelos de Banco de Dados
8. Cardinalidade de relacionamentos

O que é banco de dados?

Em princípio, banco de dados pode ser descrito como um grande contêiner que armazena informações. Informações estas, presentes nas tabelas em forma de dados.

Desse modo, o banco de dados é um conjunto de dados que se relacionam entre si. Portanto são eles que representam o mundo, abstraindo a nossa realidade.

O SGDB ou Sistema Gerenciador de Banco de Dados, é um software que gerencia o banco de dados. Ele possui interface e funções intuitivas, que facilitam a criação, modificação e o manuseio do banco de dados.

Em resumo: banco de dados é uma coleção de dados relacionados que podem ser inseridos, atualizados e recuperados.

Diferença entre Dados e Informação

Dados são a representação do mundo físico, podem ser fatos ou conceitos. Posto que, a informação é o conjunto de todos os dados devidamente organizados.

Sistema Gerenciador de Banco de Dados

São softwares que armazenam informações de forma a possibilitar a manipulação dos dados.

As principais funções de um SGBD são: gerenciar grande quantidade de informação, evitar a redundância e inconsistência dos dados, facilitar o acesso à informação, garantir integridade, proporcionar segurança dos dados e facilitar a migração do banco de dados.

Redundância de dados

Nada mais é do que a mesma informação representada no sistema mais de uma vez. Assim, existem dois tipos de redundância: controlada e não controlada.

Na controlada, o sistema tem o conhecimento da multiplicidade de informação e trabalha para que aja sincronia entre elas.

Em contrapartida, a não controlada deriva do usuário. Podem ser erros de lógica, de digitação,inconsistência de dados, etc.

Como funciona um SGBD?

Um sistema gerenciador de banco de dados faz a ponte entre a camada física dos dados e a interface por onde eles são manipulados.

Só para exemplificar existem diversos SGBDs no mercado, dentre eles: MySql, PostgreSql, Oracle, MongoDB, SQLite, etc.

Tipos de SGBD

Os sistemas gerenciadores de banco de dados podem ser catalogados nos seguintes modelos de organização:

  • Hierárquico;
  • Rede;
  • Relacional;
  • Orientado a objetos;
  • Objeto-Relacional;
  • NoSql.

Modelos de Banco de Dados

Podem ser definidos como a descrição da estrutura do banco de dados. Portanto, são descritos com uma linguagem específica, denominada de linguagem de modelagem de dados.

Um modelo de projeto de banco de dados pode ser construído em diferentes níveis de abstração. No entanto, geralmente é composto por:

  • Modelo Conceitual (DER);
  • Modelo Físico;
  • Modelo Lógico.

Modelo Conceitual – Diagrama de Entidade-Relacionamento

Na primeira fase da modelagem de projetos de banco de dados, representa-se o conceito do banco por meio de um diagrama.

Banco de Dados - Conceitos de modelagem
Modelo Conceitual

Características do Modelo Entidade-Relacionamento

  • Entidades: possuem significado próprio. São objetos do mundo real. Toda entidade deve possuir um atributo identificador. São representadas por um retângulo.
  • Atributos: características das entidades. São representados por um círculo.
  • Relacionamentos: dependência ou contrato entre entidades. São representados por um losango.

Modelo Lógico

É o modelo derivado do conceitual que mostra como o banco de dados será implementado no SGBD.

Banco de Dados - Conceitos de modelagem
Modelo Lógico

Modelo Físico

Nada mais é do que o Script do banco de dados.

Aqui você pode acessar o post que vai te ensinar a criar um banco de dados.

Banco de Dados - Conceitos de modelagem
Modelo Físico

Cardinalidade de relacionamentos

São quantidades de ocorrências de um determinado relacionamento. Os tipos de cardinalidades são:

  • 1:1 – a instância de uma entidade se relaciona com apenas uma instância de outra entidade;
  • 1:N ou N:1 – uma instância pode se relacionar com várias instâncias da outra entidade, mas a outra só pode se relacionar com apenas uma instância;
  • N:N – uma instância se relaciona com várias instâncias da outra entidade e a outra entidade também.

Gostou do post?

Aproveite para ler mais sobre banco de dados:

Qual é a sua opinião?