O que é algoritmo: aprenda de uma vez por todas

Você gostaria de entender o que é um algoritmo? Nesse post eu vou te mostrar o que são eles, por que os algoritmos são tão importantes para a programação e como você pode criá-los.

O que é algoritmo: aprenda de uma vez por todas

Os algoritmos nada mais são do que uma sequência de passos que resolvem um problema. Portanto, para criá-los, primeiramente você deve ter um problema para resolver. E então, você tem?

O que é um algoritmo?

De acordo com o livro da Caelum, Algoritmos e Estruturas de Dados em Java, um algoritmo pode ser definido como uma sequência finita de passos que se delimitam a resolver um determinado problema.

Considere o seguinte: o algoritmo é o passo a passo que você desenvolveu para solucionar uma questão. Já a implementação do seu algoritmo é a forma a qual você encontrou para executá-lo.

Algoritmos então, são sequências de ações determinadas a fim de se chegar a um objetivo central – solução.

Por que os algoritmos são tão essenciais na programação?

É por meio dos algoritmos que dissemos ao computador o que nós queremos que ele faça. Quando abrimos a calculadora no Windows, e somamos dois números, há algoritmos invisíveis, dizendo ao processador que some os números que você digitou.

Os algoritmos são o meio que encontramos para nos comunicar com o computador. Sozinho ele não tem o poder de realizar ações, é tudo programado. E é programado por intermédio dos algoritmos.

Como o computador entende o algoritmo?

Ao escrevermos um código, partindo do algoritmo mais simples e mais próximo da linguagem humana, como os que estão presentes neste artigo, nós o convertemos para uma linguagem de programação.

Pode ser Java, C++, Python, etc. A partir de então, esse código é compilado e novamente convertido, dessa vez para a linguagem de máquina ou linguagem de baixo nível.

O computador só entende os processos binários. Os famosos 0 e 1. E por isso, o código seja qual for, se não for convertido para 0 e 1, não fará sentido para o seu computador.

Portanto, para que o processador faça alguma coisa, ele recebe ordens. Geralmente são códigos, escrito em linguagem de alto nível, mais próximas no nosso entendimento, e que são convertidos para a linguagem de máquina.

Principais elementos do computador

  1. HD (Disco rígido): É no disco rígido que todas as informações do computador são armazenadas, incluindo o sistema operacional. É aqui também que as suas informações pessoais são guardadas.
  2. Memória RAM: A principal função da memória RAM é o armazenamento de dados. Contudo, quando comparada ao HD, pode-se dizer que a sua capacidade de guardar os dados é bem menor. Por outro lado, o acesso aos dados e tempo de leitura é mais rápido do que o do HD. A principal diferença entre os dois é o fato de que, quando o computador desliga, os dados da memória RAM são apagados, e o do HD não.
  3. CPU (Unidade Central de Processamento): É o processador da sua máquina. É ele quem executa todas as operações matemáticas e lógicas dos algoritmos.

Tipos de algoritmos

Quando estamos aprendendo os primeiros passos em Lógica de Programação, descobrimos que além do escrito, também existe o algoritmo em fluxograma.

O algoritmo escrito reúne uma série de passos especificados em sequência.

Para descrever de forma simples um algoritmo de soma, poderíamos fazer assim:

  1. Início
  2. Escreva:(“digite um número: “ );
  3. Leia o (número 1);
  4. Escreva: (“Digite outro número: “);
  5. Leia o (número 2);
  6. Resultado recebe a soma entre o (número 1) e o (número 2);
  7. Escreva (resultado);
  8. Fim

Já no fluxograma, o veríamos em forma interativa. Observe o algoritmo que compara se um número é maior que o outro ou se são iguais:

Fonte: https://wiki.portugal-a-programar.pt/algoritmo:tutorial

Como você pode criar um algoritmo?

Criar um algoritmo é bastante simples. Você pode criar algoritmos para tudo. Como você já viu neste artigo, um algoritmo é uma sequência de passos a fim de se atingir um determinado objetivo.

Por isso, você pode criar um passo a passo para dirigir um carro, fazer uma lasanha ou até mesmo tomar banho.

Tudo bem, eu sei, não é bem isso que você quer, não é mesmo? Você quer programar. Então, pode começar com o bloco de notas, escrevendo códigos simples envolvendo expressões aritméticas.

Essa é uma estratégia excelente para quem está iniciando na programação. Exercitar a resolução de problemas matemáticos com algoritmos.

Depois você pode escolher uma linguagem de programação e uma IDE para facilitar o seu aprendizado.

Conclusão

Aprender a programar é uma tarefa difícil, mas muito recompensadora. Quando a gente consegue “traduzir” um problema em um código que nos dá uma solução, significa finalmente que estamos programando.

No início pode ser difícil para você, mas não desista de estudar. Esforce-se para continuar e avançar em sua compreensão.

Para praticar ainda mais, procure tentar resolver os problemas que encontrar em seu cotidiano em forma de algoritmos. Seja o mais direto e objetivo.

Gostou do post? Por que não compartilha com os seus colegas também?

Qual é a sua opinião?